SP da cultura

Virada Cultural 2016: Registros de nossos seguidores

Confira o que os nossos seguidores já conferiram nesses dois primeiros dias da Virada Cultural de 2016, em especial, o relato do nosso “correspondente” e fiel parceiro, Kleber Narvaes.


~ Happy Hour da Virada, a novidade e as atrações do primeiro dia ~ por Kleber Narvaes p/@spdagaroa ☔🌙 ~ COBERTURA NA VIRADA 2016

Nesta edição, houve o Happy Hour na sexta-feira (20/05) que antecede a Virada Cultural 2016 com shows de Arrigo Barnabé e Lívia Nestrovski no Palacete Tereza Toledo Lara, Jazz na Kombi no Viaduto do Chá, e também, algumas festas, como a Batekoo e Laço, na Praça do Ouvidor Pacheco e Silva.

image

(Palacete Tereza Toledo Lara, localizado na esquina da Rua Direita com a Rua Quintino Bocaiúva)

O palacete, construído em 1910 e localizado no centro histórico de São Paulo, está em fase final de restauro para abrigar a Casa de Francisca. Se tornou referência na música paulistana no século passado com a Rádio Record, onde Adoniran Barbosa trabalhou e o novo espaço para shows vai ocupar uma parte do primeiro andar do prédio de 2.766 m² e três pavimentos (mais subsolo), convivendo com um loja voltada para músicos que já funciona ali, a Casa Amadeus Musical.

Vai abrigar também performances musicais de diversos artistas na varanda, voltados para público no calçadão histórico. A programação do Palacete Tereza Toledo Lara foi um dos destaques da sexta-feira que teve ainda Ná Ozzetti, Dante Ozzetti, Marcelo Pretto, Siba, Luiz Tatit, Mônica Salmaso, Renato Braz, Bré Rosário, Rodrigo Campos, Romulo Fróes, Marcelo Cabral, Kiko Dinucci, Juçara Marçal e Thiago França.

No Viaduto do Chá, teve o projeto Jazz na Kombi, que leva a música instrumental para a rua. A ideia surgiu quando Giovani Baffô e sua mulher compraram uma Kombi para carregar materiais que usavam em projetos de artes pela cidade:

“Nesse meio tempo, eu tinha comprado um monte de discos de jazz, de CDs de jazz, que estavam no sebo, bem baratos, e, a partir daí, eu comecei a ouvir jazz na Kombi”, disse Baffô.

image

(Apresentação do Jazz na Kombi, em frente à sede da Prefeitura de SP no Viaduto do Chá)

E por fim, sobre o primeiro Happy Hour da Virada, rolou na Praça do Ouvidor Pacheco e Silva, ao lado do Largo São Francisco, a festa Batekoo, com a participação da artista Agatha Barbosa, com ritmos como hip-hop, rap, funk carioca, R&B, trap e kuduro. Paralelamente rolava (como em outros pontos da cidade) a Festa Laço, com muita interatividade e projeções multimídias.

image
image

(Projeções multimídias nos prédios durante a Festa Laço)

Já no sábado (21/05), na abertura oficial do evento, rolou o show  mais esperado dessa edição, Ney Matogrosso se apresentando no palco instalado ao lado da Estação Júlio Prestes.

image
image

(Ney Matogrosso na abertura oficial da Virada Cultural 2016 se apresentando no Palco Júlio Prestes)

E no tradicional palco da Avenida Rio Branco, sempre voltado para os shows de rock, rolou Plebe Rude com participação de Clemente (Inocentes).

image
image

(Plebe Rude e Clemente se apresentando no Palco Rio Branco)

Kleber Narvaes é o colaborador sobre assuntos do cotidiano e do centro histórico do São Paulo da garoa. O seu perfil no Instagram é @klebernarvaes.

 


~ Nossos seguidores registrando a 12ª Virada Cultural ~

Cliques de João Gabriel Masini que conferiu o show da cantora Alcione se apresentando no Palco Júlio Prestes

image
image

 

Cliques de Camila TorresCamila Spielmann que conferiram também o show de Ney Matogrosso se apresentando no Palco Júlio Prestes

image
image

 

Clique de Gabriel Caprioli que conferiu a apresentação com pirotecnia do Pyrophone Juggernaut ocorrida no Vale do Anhangabaú

image

 

Clique de Natasha Ramos que conferiu a competição de dublagem entre as drag queens no Rainha da Virada – 2ª edição no Palco Arouche, e que contou com a presença internacional da porto-riquenha Yara Sofia, famosa competidora que participou do reality show “RuPaul’s Drag Race”

image

 

Cliques de fenix_2012_mmMari Zanini curtindo as ruas do centro histórico de São Paulo; o primeiro na famosa esquina da Avenida Ipiranga com a Avenida São João, e a segunda, na Alameda Barão de Limeira curtindo a festa Calefação Tropicaos

image
image
The following two tabs change content below.
São Paulo da garoa, São Paulo, que terra boa!

Comentários

Comentários