SP da história

Fonte dos Desejos e Monumentos da Praça Ramos de Azevedo estão restaurados

A Praça Ramos de Azevedo, cartão postal da região central, está prestes a ser entregue à população depois da revitalização de todos os seus monumentos que fazem homenagem ao compositor de ópera, Carlos Gomes, como também, a famosa “Fonte dos Desejos” que será reativada

A nova “Fonte dos Desejos – Glória” (1922): Escultura em bronze, do artista italiano Luigi Brizzolara (1868-1937), que foi inaugurado no ano do centenário da independência do Brasil. Tem destaque um conjunto de três impetuosos cavalos alados que arrastam a Glória do Brasil através dos oceanos. Em 1957, o prefeito Adhemar de Barros recebeu a escritora italiana Mercedes La Valle, que lhe entregou um frasco contendo água da Fontana di Trevi, de Roma. Durante cerimônia no Monumento a Carlos Gomes (localizado acima da fonte), o prefeito despejou a água na fonte, como num ato de batismo, dando-lhe o nome de “Fonte dos Desejos”. (Foto: R. Gushiken/SP da garoa)

~ A iniciativa da restauração ~


Depois de quase 100 anos de sua inauguração, o monumento a Carlos Gomes, e toda área de um dos espaços mais belos do centro, a Praça Ramos de Azevedo e Fonte dos Desejos – Glória, serão entregues no sábado, dia 16 de dezembro.

A parceria entre a Prefeitura e empresários ligados à comunidade italiana, pelo Italia Per San Paolo (ITA Brasil), recuperou este importante conjunto de esculturas localizado no Vale do Anhangabaú, uma área total de 4,5 mil metros quadrados que foi completamente restaurada.

Cada monumento recebeu atenção especial durante a limpeza, com produtos específicos para cada material. Para remover as pichações foram usadas várias técnicas que não danificasse o aspecto da escultura, pois tudo foi feito para não tirar a originalidade da obra, assim explica Ronaldo Padovani, analista de negócios do ITA e responsável pela restauração, e acrescenta:

Para as esculturas de bronze utilizamos produtos com baixa concentração química para não ferir a pátina original das estátuas, seja em preto, marrom ou esverdeado, realizada pelo artista.”

Abaixo, registros da última vistoria técnica, realizada no dia 11 de dezembro, com o restaurador Ronaldo Padovani e o prefeito regional da Sé, Eduardo Odloak (Clique nas imagens para visualizar em tamanho maior):


~ Monumento com peças furtadas, fonte reativada e o novo monitoramento de segurança ~


Ronaldo ainda conta que o arco e flecha originais – os quais foram furtados – da obra “Guarani” (monumento do índio Peri que faz homenagem a mais famosa ópera de Carlos Gomes, baseada no romance de José de Alencar) será recomposta por meio de uma réplica encomendada pelos responsáveis pela obra.

Monumento “O Guarani” restaurado (1922): Terceira e mais conhecida ópera de Antônio Carlos Gomes, a peça tem enredo baseado no romance homônimo de José de Alencar, cuja primeira edição foi publicada em 1857. É o primeiro grande sucesso de uma obra musical brasileira no exterior, cuja primeira encenação teve lugar no La Scala de Milão em 19 de março de 1870. Nesta representação em bronze de seu personagem principal, Luigi Brizzolara retrata o índio Peri, cacique dos guaranis, em posição de ataque contra seus rivais aimorés no momento em que se preparavam para se vingar na jovem Cecília (Ceci), a morte por acidente de uma índia aimoré, cometida por um dos subordinados do pai de Cecília. (Foto: R. Gushiken/SP da garoa)

O sistema hidráulico da fonte e seu quadro de comando foram refeitos e o último instalado em local totalmente fechado para impedir furtos.

Abaixo, registros da última vistoria técnica, realizada no dia 11 de dezembro, dos últimos reparos na “Fonte dos Desejos” (Clique nas imagens para visualizar em tamanho maior):

Toda a fiação na praça foi enterrada e os postes revitalizados para que a iluminação fosse melhorada e ampliada. Foi instalada uma câmera de alta definição, ligada ao sistema City Câmeras da Prefeitura, que vai gerar imagens em tempo real para a Central de Monitoramento da GCM.

Abaixo, registros da última vistoria técnica, realizada no dia 11 de dezembro, dos últimos reparos dos postes históricos (Clique nas imagens para visualizar em tamanho maior):


~ As novidades da pós-restauração e a nova função da praça ~


A tecnologia também estará presente nos monumentos. Cada um deles terá uma placa sobre a história daquela obra e do artista, e para se ter acesso a mais informações, será possível fotografar o QR Code da placa e conhecer ainda mais os monumentos, e assim, estimulando mais a interação com todo o patrimônio.

Antonio Carlos Gomes (1836-1896): Foi o mais importante compositor lírico brasileiro e o segundo mais encenado no Teatro La Scala, de Milão, atrás apenas de Giuseppe Verdi. O conjunto escultórico (1922) que decora a fonte da Praça Ramos de Azevedo é uma homenagem da comunidade italiana do começo do século XX ao compositor que fez tanto sucesso em terras italianas e ao Brasil pelo primeiro centenário de sua independência. Compõem-se de dez estátuas em bronze e duas em mármores de Carrara. A estátua do escultor está colocada no ponto mais alto da praça, ladeado pelas alegorias à Música e à Poesia, observando o Vale do Anhangabaú e os personagens de suas óperas, dispostos ao redor da fonte.

Abaixo, registros da última vistoria técnica, realizada no dia 11 de dezembro, dos últimos reparos monumento em homenagem a Antonio Carlos Gomes (Clique nas imagens para visualizar em tamanho maior):

Outra novidade é que em horários pré-determinados, a praça terá música clássica como som ambiente, agregando ainda mais contexto às obras, e fazendo um convite à população para que ocupe mais a nova praça e se interesse pela história que ela carrega.

Foram acrescentados dois painéis fotovoltaicos em forma de árvore, que captam a luz do sol e transformam em energia, e estarão à disposição da população na altura da rua Formosa (saída do metrô Anhangabaú e terminal Bandeira), onde será possível carregar a bateria de smartphones.

A revitalização também atingiu os guarda-corpos e o piso do Viaduto do Chá, que receberam lavagem para remoção das pichações.

Praça Ramos de Azevedo e o Vale do Anhangabaú ao fundo (Foto: R. Gushiken/SP da garoa)

Eduardo Odloak, prefeito regional da Sé, comemora a revitalização da praça Ramos e reforça essa nova função que ela terá:

Este é um dos mais belos monumentos da cidade. Com a revitalização, certamente muitas pessoas vão conhecer a região e aqueles que já conhecem vão voltar a frequentar para tirar belas fotos.”

Fonte: http://www.italiapersanpaolo.com.br/italia-per-san-paolo-praca-ramos.html
Agradecimentos especiais a Prefeitura Regional da Sé e ao ITA Brasil


Serviço – Reinauguração Praça Ramos de Azevedo – Italia per San Paolo:

Endereço: Praça Ramos de Azevedo, República, São Paulo – SP (ao lado do Theatro Municipal)
Data e horário: Sábado, dia 16 de dezembro, das 15h às 19h
ABERTA AO PÚBLICO
Evento no Facebook:  https://www.facebook.com/events/346497062487116/

💧🏛 O @spdagaroa esteve presente na vistoria técnica da pré-reinauguração da nova #PraçaRamosdeAzevedo com as presenças do prefeito regional da Sé, @odloak, e de Ronaldo Padovani, representante do @ita.brasil, responsável pela restauração. – Juntos fazemos o convite para que compareçam amanhã (16/12) no local, a partir das 15h, para ver a "#FontedosDesejos" reativada, como também, a restauração dos monumentos em homenagem a Antonio Carlos Gomes, entre eles, o famoso "#Condor" em que se tocando o seu dedo médio, encontrará a sorte! 🍀🎼 – Veja a nossa matéria na íntegra para todos os detalhes da nova Praça Ramos de Azevedo ~ Link na Bio e nas Histórias destacadas 👆 ••• 📹 @rafagushi Use #spdagaroa #spdahistória Acesse!➡️ www.SPdagaroa.com.br Siga!📷 Instagram.com/spdagaroa Curta!👍 Facebook.com/spdagaroa Inscreva-se!📹 Youtube.com/c/rafagushi •••

A post shared by São Paulo da garoa (@spdagaroa) on

 


Entre no nosso grupo do Facebook: https://www.facebook.com/groups/spdagaroa/ e seja um membro para saber em primeira mão das nossas matérias recentes e outros conteúdos exclusivos!
The following two tabs change content below.

Comentários

Comentários